Atualizado 23/10/2018

Bullying é tema de teatro assistido por alunos do SCFV em Passos Maia

Estudantes da cidade e do interior do município foram orientados em evento da Secretaria de Desenvolvimento Social

Cerca de 90 crianças e adolescentes do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) assistiram na tarde desta segunda-feira, dia 22, a uma peça teatral de combate ao bullying. Os alunos também participaram de uma gincana durante o evento, realizado pela Secretaria de Desenvolvimento Social de Passos Maia.

Ao longo de aproximadamente uma hora, o teatro “Previsiones de La Madre Mercedita”, do Grupo Teatral Piliquinha, de Concórdia, prendeu a atenção dos estudantes. As personagens de uma vidente cigana e sua assistente prevendo o futuro atuaram de forma descontraída para orientar sobre as consequências do bullying e as formas de prevenir a discriminação.

“Enaltecemos o fato de o município oferecer para as crianças uma melhor condição de aprendizagem. Sempre contamos com o empenho da Secretaria de Desenvolvimento Social e todos os professores, realizando esse grande trabalho. Temos certeza que quem participou estará mais bem preparado para os desafios do futuro”, avaliou o prefeito Leomar Listoni.

A psicóloga responsável pelos projetos desenvolvidos pelos monitores do SCFV, Eliane Mezalira Bisato, apontou que outras atividades ainda são realizadas, como orientações de higiene e saúde aos estrudantes. “Esse ano a gente desenvolveu projetos para trabalhar várias atividades. Agora estamos trabalhando bullying. Por isso a importância de trazer um teatro relacionado ao tema”, considerou.

A equipe que trabalha com os cerca de 90 alunos do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos em Passos Maia é formada pelos seguintes profissionais:

- Vanessa Sppada, secretária de Desenvolvimento Social;

- Maria Sidiane Albrecht, coordenadora do SCFV;

- Eliane Mezalira Bisato, psicóloga responsável pelos projetos desenvolvidos pelos monitores com os alunos do SCFV;

- Clemência Delírio da Silva, monitora do SCFV no Assentamento Taborda (período matutino);

- Eloy Aparecida da Luz da Silva, monitora do SCFV Assentamento Taborda (período vespertino);

- ivanir Arcari de Lima, monitora do SCFV no Centro da cidade (período vespertino);

- Ana Paula Aires, monitora do SCFV no Centro (período matutino);

- Lilian Kerlin de Ávila Pires, monitora do SCFV no Assentamento Zumbi dosPalmares (período integral);

- Maristela Nascimento, monitora do SCFV na comunidade Tozzo (período vespertino).

© Copyright 2017 - Rede Nossa Rádio, Todos os direitos reservados Desenvolvido por HZ Soluções